15 abril 2010

ENCENAÇÃO DIA DAS MÃES: "Sou doutora em desenvolvimento Humano"

(Desconheço a autoria deste texto -publicado em alguns sites como autor desconhecido)

ENCENAÇÃO DIA DAS MÃES: "Sou doutora em desenvolvimento Humano"


Narrador: Uma mulher chamada Anne foi renovar sua carteira de motorista e fizeram-lhe a seguinte pergunta:

Atendente: Qual é a sua profissão?

Anne: Minha profissão? Deixa eu ver...

Atendente: O que lhe pergunto é se tem um trabalho.

Anne: Claro que tenho um trabalho. "Sou mãe".

Atendente: Nós não consideramos "mãe" um trabalho. Vou colocar "dona de casa".

Narrador: Aquilo fez com que Anne, uma grande mãe, refletisse bastante nas palavras da atendente, no outro dia ela voltou, e estava disposta a falar francamente. E lá estava a mesma atendente e lhe fez a mesma pergunta.

Atendente: Qual é a sua profissão?

Anne: "Sou doutora em Desenvolvimento Infantil e em Relações Humanas".

Narrador: A funcionária fez uma pausa, a caneta de tinta permanente para o ar, e olhou Anne como quem diz que não ouviu bem.

Atendente: Não entendi, pode repetir por favor?

Anne: Claro! Anote aí. "Sou doutora em Desenvolvimento Infantil e em Relações Humanas".

Atendente: Me diga minha senhora, o que realmente você faz?

Anne: Minha querida eu desenvolvo um programa a longo prazo (qualquer mãe faz isso), em laboratório e em campo experimental (normalmente eu teria dito, dentro e fora da casa). Sou responsável por uma equipe (minha família), e já recebi quatro projetos (todas meninas). Trabalho em regime de dedicação exclusiva (alguma mulher discorda?!), o grau de exigência é de 15 horas por dia (para não dizer 24).

Narrador: Naquele momento houve um crescente tom de respeito na voz da funcionária, que acabou de preencher o formulário, se levantou, e pessoalmente abriu a porta para Anne. Quando chegou em casa, com o título da carreira erguido, ela foi recebida pela sua equipe - uma com 21, outra com 18, e outra com 10 anos. Do andar de cima, pode ouvir o seu mais novo experimento - um bebê de sete meses, testando uma nova tonalidade de voz. Anne se sentiu triunfante!

Anne: Maternidade...que carreira gloriosa!

Narrador: Assim as avós deveriam ser chamadas "Doutoras - Sênior em Desenvolvimento Infantil e em Relações Humanas". As bisavós "Doutora Executiva Sênior", e as tias "Doutora Assistente". Eu acho!

Todas as mães, avós, bisavós e tias merecem saber disso.

Um comentário:

  1. Passei por aqui pra agradecer por vc fazer parte das 400 mil visitas do meu blog.Tem um selinho especial pra vc lá, ficarei muito feliz se aceitar! Não tem regras.
    Bjos, Bete

    ResponderExcluir