25 agosto 2009

História: "O REI SALOMÃO"

O Rei Salomão

Iniciar o Culto Infantil com uma breve oração, pedindo a benção de Deus para o encontro e agradecendo pela semana (por exemplo)

História – O Rei Salomão
Você gostaria de ser rei?
Então você poderia morar num lindo palácio e ter muitos servos. Poderia passear numa carruagem bonita pelo país. Então você levaria uma coroa de ouro na cabeça. Então poderia ganhar tudo que quisesse. Não seria maravilhoso, isso?
Sim, mas será que você também pode ser rei? Um rei deve cuidar de toda a gente do país inteiro. Ele deve cuidar que todos sejam felizes Ele deve ser muito sábio e inteligente, do contrário não pode ser um bom rei.
Não deseje ser rei!
Parece ser muito bonito, mas não é tão bonito.
Muitas vezes é bastante difícil!
Salomão também achava muito difícil ser rei!
Ele era um filho do rei Davi. E Davi tinha morrido. E agora ele tornou se rei no lugar de seu pai.
Mas Salomão não ficou contente com isso. Pois ele queria ser um bom rei. Queria cuidar bem de todas as pessoas, de todo o povo de Israel. O povo de Israel tornara se enorme e ele próprio ainda era tão jovem.
Salomão pensou: Esse cargo e muito difícil para mim. Não sou sábio e inteligente. Ainda não posso ser um bom rei.
E por isso todos os dias ele andava com cuidados e receios.
Mas certa vez aconteceu alguma coisa maravilhosa.
Salomão tinha oferecido um sacrifício ao Senhor. Depois foi dormir. E enquanto dormia, Deus falou com ele.
Deus disse: “Salomão, Eu quero dar-te alguma coisa. Tu podes escolher o que gostarias de ter. E seja o que for que escolheres, tu o receberás!”.
Salomão achou isso maravilhoso. Que devia ele escolher agora?
Que ficasse rico? Ou que se tornasse forte e poderoso? Ou que tivesse uma vida longa?
Não, nada disso. Salomão só pensou em que ele tanto queria ser um bom rei.
E pediu: “Senhor, dá-me um coração sábio, para que eu possa ser um bom rei”.
O Senhor disse: "Essa é uma boa escolha, Salomão. Far-te-ei ser tão sábio e inteligente como nunca homem algum o foi. E por teres feito uma escolha tão boa, vou fazer-te também rico e forte e poderoso. E se fores sempre obediente, dar-te-ei também uma vida longa.”
Aí Salomão acordou.
E agora já não sentia mais cuidados e receios.
Agora achou bonito ser rei, porque sabia que seria um rei bom.
Certa vez, o rei Salomão estava em seu palácio. Aí entraram duas mulheres. Elas tinham uma questão entre si. E agora o rei tinha que dizer qual delas tinha razão.
Cada uma das mulheres tinha um filho.
Uma dessas crianças olhava para o mundo com olhos risonhos. Estava viva e sadia. Mas a outra criança tinha os olhos fechados e jazia quieta e pálida nos braços da mulher. Esta criança estava morta.
“A criança viva pertence a mim”, disse uma das mulheres.
“Isso não é verdade, é minha”, disse a outra.
Salomão disse: “Contem-me tudo.”
E uma das mulheres contou: “Oh rei, ela e eu moramos juntas numa casa, e dormimos no mesmo quarto, e cada uma tem uma criança. Mas esta noite morreu uma das crianças. O filho dela morreu, rei. A criança morta é a dela, e a criança viva é a minha.”
Mas a outra mulher disse: “Não, a criança viva é minha, e a morta é dela.”
“Eu quero a criança viva, porque sou a mãe”, gritou uma.
“Não, eu sou a mãe, eu quero a criança”, gritou a outra.
Assim estavam todos ali e ninguém sabia quem tinha razão. Mas Salomão tinha que saber. Ele devia dizer quem iria ganhar a criança viva.
Salomão perguntou: “Então, vocês querem ambas ter a criança viva?”
“Sim, rei”, falou uma.
“Sim, rei”, falou a outra.
E então Salomão disse uma coisa estranha, com a qual todos se assustaram. Ele falou: “Pois bem, então vamos cortar a criança viva pelo meio, então cada uma de vocês receberá a metade”.
Não era o plano do rei de fazer realmente isto. Mas ele disse isso com muita seriedade, ele fez de conta como se fosse tal seu plano. Ele chamou um empregado com uma grande espada e disse: “Corte a criança pelo meio”.E o empregado pegou a criança e levantou a grande espada. Mas então uma das mulheres começou a chorar amargamente.
“Não faça isso!” gritou ela. “Não faça nenhum mal à criança! Só quero que meu filho continue vivo!”.
Mas a outra mulher não se afligiu pela criança. Ela disse: “Bem, corte-a pelo meio, então nós duas não temos nada”.
Aí o rei sabia quem era a mãe. Ele disse: “Dê a criança à primeira mulher, porque ela a ama. Esta é a mãe”.
E a mulher recebeu a criança viva e, feliz, foi para casa com o filhinho no braço.
E todos diziam: “Como é sábio e inteligente o nosso rei!”
Salomão ficou sendo rei por muito tempo. Ele cuidou bem de seu povo. Ele fez as pessoas de sua terra viverem felizes,
Ele também construiu um lindo templo. Isso era uma casa para Deus, o Senhor, uma igreja bem grande. E para este bonito templo vinham as pessoas de todo o país, para oferecer sacrifícios e fazer oração.


25 comentários:

  1. muito bonita a história,Salomão realmente era muito sabio..

    ResponderExcluir
  2. lindo parabens;;;;;;

    ResponderExcluir
  3. obrigada, vou usar :)

    ResponderExcluir
  4. Interessante, pois fiz uma analogia desta história de Salomão com um casal de pais separados, que atendo, ambos disputam a guarda judicial de seu único filho.
    A mãe diz que nunca abrirá mão dele, mesmo que fique com o pai. Já o pai, diz que abrirá mão dele caso a guarda vá para a mãe. Quem realmente está interessado no bem estar da criança!!!

    ResponderExcluir
  5. ótimo, mas ficaria mas interresante se tivesse alguma relação com o tema:"lembra do teu criador nos dias da tua mocidade."mas está super demais, parabéns.

    ResponderExcluir
  6. nossa muito obrigado foi uma grande explicação da historia

    ResponderExcluir
  7. eeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee

    ResponderExcluir
  8. Muito bom, me ajufou a contar a historia para as minhas crianças.bjus

    ResponderExcluir
  9. realmente ele foi muito inteligente

    ResponderExcluir
  10. muito legual para as criançinhas aprende a pa lavra de Deus e serem como salomao muito inteligentes.

    ResponderExcluir
  11. muito leguallllllllllllll

    ResponderExcluir
  12. eu adorei a historinhas quem fez sabe mesmo

    ResponderExcluir
  13. Muito bom saber que existem pessoas que procuram ajudar o proximo de alguma forma.

    ResponderExcluir
  14. amei a historia ele foi um homem sabio,e eu aorendi muito com a historia..muito obriga a guem publicou..pq assim vcs podem evangelizar pessoas...a as pessoas podem se converte atravez dessa leitura,,,,,em nome de jesus amèm........s2........
    by;bruninha

    ResponderExcluir
  15. gostei muito, VOU ATE LEVAR ESSA HISTORIA EM FORMA DE PEÇA PARA UMA AULA DE ENS. RELIGIOSO....

    ResponderExcluir
  16. Rosangela,meus parabens...está muito bem explicadinho =) que Deus abençoe você e toda a sua familia...se você tiver filhos,eles têm sorte de ter uma mãe como você.Um abraço.

    ResponderExcluir
  17. adorei essa história, meu irmão adorou, também gostei muito e recomendo.

    ResponderExcluir
  18. meu nome também é Rosangela, gosto muito de trabalhar com crianças , estou no quinto período de padagogia,estou iniciando como pastora de criança na minha igreja e fiquei muito feliz em lê essa historia e certamente passarei para as crianças.Minha igreja é o Ministério Apostolico Nova Aliança do Reino (M.A.N.A.R)em Manaus, parabéns!

    ResponderExcluir
  19. Amei muito bom vou usar na celula das crianças , muito obrigado que DEUS te abençõe grandemente .

    ResponderExcluir
  20. Amei me ajudou muito eu sou uma aluna da escola dominical da igreja comunidade da graça e iria ter uma amostra de conheciento para todos os pais e eu teria q falar sobre o rei salomao e eu nao fazia ideia do q falar entao eu procurei na internet e nao achei nada q fosse confiavel ai eu achei esse site q é uma bençao e eu gostaria q vc rosangela me mandase alguns emails com essas historias biblicas meu email é amandinha-rosa11@hotmail.com.br.
    Q Deus te abençoe

    ResponderExcluir
  21. Gostei muito da história!!!
    é muito boa, é tanto que irei apresentar essa linda história na Escola....

    ResponderExcluir